7 dicas para um transporte de cargas eficiente e seguro

| Por: Ana Paula Delchiaro

Gerenciar uma frota não diz respeito apenas aos cuidados com os veículos em si, mas também, significa planejar, acompanhar e analisar todas as atividades realizadas por eles. E se tem alguma atividade que é central na Gestão de Frota – especialmente se a sua empresa é uma transportadora –, é o transporte de cargas. Aliás, ele é muito mais que apenas mais uma atividade, o transporte de cargas é o principal responsável pela sustentabilidade e crescimento desse tipo de organização.

Separamos algumas dicas que vão auxiliar no cuidado para um transporte de cargas mais eficiente e seguro.

7 DICAS PARA UM TRANSPORTE DE CARGAS EFICIENTE E SEGURO
A carga deve ser acomodada de maneira uniforme sobre todos os eixos, ficando a parte mais pesada no meio. Isto evita que o caminhão sobrecarregue peso em apenas um dos lados e ocorra o desabamento de cargas na via.

VEÍCULO ADEQUADO
Cada tipo de carga exige um veículo adequado. Cargas longas como: tubos e postes toras, não devem ser transportadas por caminhões que não possuem as dimensões necessárias para acomodá-las. Transportar em veículos inapropriados pode gerar má estabilidade do caminhão, danos na carga e até acidentes.

CONDIÇÕES DO VEÍCULO
O veículo deve ter boas condições para um transporte seguro. Caminhões antigos geram riscos de acidentes, derrubamento de carga e poluição do meio ambiente.

MOTORISTAS
Os motoristas devem ser orientados e treinados sobre como transportar devidamente as cargas e prevenção de acidentes e roubos. As pausas de descanso devem ser regularmente respeitadas, para que eles estejam sempre em perfeitas condições físicas para conduzir o veículo.

RASTREAMENTO
Durante o transporte, é interessante que as cargas sejam monitoradas, rastreando todo o percurso do transporte – desde o recebimento até a entrega final.

PESO IDEAL
O excesso de peso provoca um esforço maior na suspensão do veículo, exigindo maior necessidade de força para frenagem, aumentando os riscos de derrapagem, acidentes e perda total da carga. Respeite o limite exigido por lei e utilize os veículos conforme a sua capacidade de peso.

REFORÇO PARA CARGAS PESADAS
O transporte de cargas com peso líquido acima de 30 toneladas requer equipamentos especiais. Os cavalos mecânicos precisam ser reforçados. As carretas (reboques e semi-reboques) projetadas especialmente para esse tipo de transporte são: carretas tipo lagartixa para cargas altas; carretas
extensivas para cargas muito compridas, conjuntos modulares com distribuidor de carga tipo gôndola ou viga para cargas muito pesadas tipo transformadores, rotores etc.


FONTE: http://sofit4.com.br

Autor

Ana Paula Delchiaro

Ana Paula Delchiaro

Uma mão digitando em um laptop Uma mão digitando em um laptop Uma mão digitando em um laptop

Assine nossa newsletter

Fique sempre por dentro das novidades nas inovações da gestão do transporte.

    Deixe seu comentário