Como otimizar sua gestão de frotas em tempos de pandemia?

| Por: Marina Pessanha

Em 2020, os cenários sociais, econômicos e trabalhistas começaram a mudar de forma rápida e drástica devido à pandemia do Covid-19.

O setor de transportes sempre foi importantíssimo e um dos principais meios de movimentação da economia brasileira. No contexto pandêmico, essa área recebeu um grande aumento nas demandas. Em contrapartida, houve um impedimento na execução normalizada dos serviços.

A gestão de frotas sofreu diversos impactos da pandemia, sendo alguns temporários e outros permanentes. De qualquer modo, essas questões abriram espaço para adaptações, evoluções, novos caminhos e soluções.

Para a continuação de muitas produções essenciais, não houve uma pausa totalmente completa. Entretanto, revisões foram necessárias e foi preciso estabelecer padrões de segurança à saúde. Abaixo você entenderá mais sobre como a pandemia afetou todo esse setor.

Qual a importância da gestão de frotas?

Entre todos os setores que são principais para a sociedade, a logística está entre os primeiros. Devido a isso, a gestão de frotas é importante para que todos os serviços realizados na parte de logística sejam otimizados, tornando-os mais seguros, eficientes, ágeis e mais qualificados de maneira geral.

A partir da análise desses dados, a qualidade dos serviços é elevada e a empresa ganha uma forte vantagem competitiva e há diversas melhorias. 

Ao analisar as rotas, por exemplo, é possível desenvolver soluções  para diminuir o tempo de serviço e, então, beneficiar motoristas e clientes.

Com a prática da gestão junto de ferramentas tecnológicas, como a telemetria, que contribuam com as tomadas de decisão, várias vantagens podem ser alcançadas, como:

Telemetria: tecnologia aliada ao sucesso

A tecnologia é a maior aliada para trazer mais economia e segurança para sua frota. Converse com nossos consultores e entenda como a telemetria pode fazer sua operação crescer:

    Cargo na empresa
    Tamanho da frota
    Segmento de atuação

    Atuando a partir dos dois meios citados acima, fica muito mais fácil dar início a esse formato de gestão e gerar resultados positivos.

    Quais as mudanças da frota na pandemia?

    Para evitar a propagação do vírus, uma das medidas adotadas logo no início da pandemia foi a quarentena. Com isso, houve um grande aumento de consumo através dos e-commerces.

    Em consequência, essa prática ocasionou uma das primeiras mudanças na frota: o crescimento das demandas e prazos mais curtos. E elas, hoje em dia, já são vistas como permanentes. 

    As empresas que já estavam preparadas para essa mudança desfrutaram dos resultados positivos. Porém, aquelas que não tinham os recursos necessários ou não tomaram ações efetivas, direta ou indiretamente foram prejudicadas.

    A cadeia formada foi: mais compras por e-commerce; maior necessidade de frotas com as cargas para envio e abastecimento de produtos; mais demandas para serem cumpridas. 

    Paralelo a isso, o maior controle de informações também foi uma nova tarefa atribuída aos gestores de frotas. O objetivo geral era utilizar os dados para manter a eficácia do serviço e implementar as medidas protetivas de saúde. 

    No que a pandemia afetou a gestão de frotas?

    A pandemia ocasionou em uma realidade completamente nova – e a gestão de frotas foi automaticamente afetada. Além dela, vieram também desafios derivados da crise de transportes, que ocorreu no final de 2019.

    Entre as mudanças práticas que afetaram esse meio, algumas já existentes e agravadas por conta da crise de 2019 e outras que surgiram por conta do momento pandêmico, destacam-se:

    Para que os serviços de frotas tivessem continuidade, todas as medidas e processos gerenciais precisavam ser implementados e adaptados de forma muito rápida. Logo, a jornada de trabalho prosseguiu, mas, com muito mais desafios.

    Como lidar com a pandemia na sua gestão de frotas?

    Ao encarar a realidade pandêmica, a gestão de frotas precisou enfrentar um processo de reinvenção. O contexto era completamente novo e necessitava estar em conformidade com as medidas estabelecidas em outros setores. 

    Selecionamos 6 ações que são benéficas para aplicar na gestão de frotas neste momento:

    Com o retorno repentino e a urgência em dar continuidade aos serviços relacionados às frotas, é válido manter a ideia de que em todas as crises são fornecidas novas oportunidades, aprendizados e o aceleramento de tendências que já estavam por vir.

    Por que o sistema de telemetria é vantajoso nesse cenário?

    A telemetria é uma ferramenta que apresenta vantagens de variadas formas e contextos. Especificamente no cenário de pandemia, essa tecnologia contribui de maneiras que vão ao encontro das necessidades atuais e adaptações realizadas.

    Muitas empresas estão visando a redução de custos, aumento de produtividade e garantia de segurança dos condutores. Porém, nem sempre estão aptas para realizar essas pendências. Dessa maneira, acabam negligenciando outras tarefas, como o bom atendimento aos clientes. 

    Para que isso seja evitado, as funcionalidades fornecidas pela telemetria são a solução. Além de atuarem como resolução dos problemas, também mantém a competitividade e diferenciação do seu negócio. 

    A telemetria também contribui em outros aspectos, como:

    Diante dos pontos citados, adaptações e inovações são necessárias na realidade atual e, quando são positivas e para evolução, não devem ser postergadas. 

    Conte com as soluções da Trimble para otimizar sua frota na realidade atual! 

    Converse com um de nossos especialistas

    Torne sua operação mais rentável, produtiva e econômica!

    Autor

    Marina Pessanha

    Marina Pessanha

    Analista de Marketing da Trimble Transportation Latam

    Uma mão digitando em um laptop Uma mão digitando em um laptop Uma mão digitando em um laptop

    Assine nossa newsletter

    Fique sempre por dentro das novidades nas inovações da gestão do transporte.

      Deixe seu comentário