Responsabilidade do motorista: como evitar vícios ao volante

| Por: redacao.massi

A segurança nas estradas é uma preocupação fundamental para todos os envolvidos no setor de transporte. Nesse cenário, os motoristas desempenham um papel central na garantia da segurança não apenas de si mesmos, mas também de outras pessoas na estrada. No entanto, mesmo com treinamento e conscientização, os vícios ao volante podem se tornar uma ameaça silenciosa.

Neste artigo, exploraremos a responsabilidade do motorista no que diz respeito aos vícios ao volante e como a Trimble, com suas inovações tecnológicas, está comprometida em promover práticas seguras nas operações de frotas. A segurança é uma prioridade, e você descobrirá como evitar vícios ao volante pode ser uma parte essencial desse compromisso.

O que são vícios ao volante

Antes de abordarmos a prevenção de vícios ao volante, é importante entender o que exatamente são esses comportamentos e como eles podem afetar a segurança nas estradas. 

Vícios ao volante são padrões de comportamento de motoristas que podem aumentar o risco de acidentes ou comprometer a segurança durante a condução. Eles podem variar desde o uso de dispositivos móveis até a falta de atenção devida à estrada.

Exemplos de vícios ao volante

1. Apoiar o pé na embreagem: é um dos mais comuns para motoristas de carros com câmbio manual. Depois de trocar as marchas, em vez de descansar o pé esquerdo no assoalho, o motorista o mantém sobre a embreagem, esperando a próxima troca.

O trânsito exige muita atenção e, em pouco tempo, o simples apoio será transformado em uma leve pressão sobre o pedal. Com isso, a embreagem gira em falso e se desgasta mais rapidamente.

2. Dirigir com a mão sobre o câmbio: Além de fazer com que você conduza o carro com uma mão só (atitude proibida pelo Código Brasileiro de Trânsito), isso também força o sistema de forma desnecessária, o que pode diminuir sua vida útil e levar a manutenções mais frequentes. Dirija sempre com as duas mãos ao volante.

3. Ligar o veículo sem pisar na embreagem: Quando você dá a partida sem acionar o pedal, o esforço do motor de arranque acaba sendo maior, já que ele precisa movimentar todo o conjunto.

4. Descer ladeiras em ponto morto: Além de ser extremamente perigoso, você estará gastando mais combustível do que o necessário e seus freios vão ter menos tempo de vida.

Os riscos dos vícios ao volante

Agora que compreendemos o que são vícios ao volante, é crucial discutir os riscos associados a esses comportamentos. Os vícios ao volante podem ter sérias consequências, incluindo acidentes, ferimentos e até mesmo fatalidades. Além disso, eles também podem resultar em danos materiais, custos de seguro elevados e impacto negativo na reputação da frota.

Pelos dados analisados disponíveis no site da Polícia Federal, 7 de cada 10 acidentes, nas estradas brasileiras (BR), são causados por motoristas indisciplinados.

Inovações tecnológicas da Trimble

A Trimble é reconhecida por suas soluções inovadoras que visam melhorar a segurança nas operações de frotas. Abordaremos duas áreas específicas em que a Trimble se destaca na prevenção de vícios ao volante.

Sensor de fadiga

Um dos principais pilares da segurança é o monitoramento avançado. Sua frota tem 250% mais chances de ter acidentes sem monitoramento do motorista e de todo o veículo. A Trimble oferece tecnologias de monitoramento que permitem às empresas acompanhar o comportamento dos motoristas em tempo real, saiba como essas soluções podem ajudar a identificar e corrigir vícios ao volante antes que eles se transformem em problemas graves.

Kit gratuito: Sensor de fadiga e distração para condutores

Como esclarecer as dúvidas dos seus motoristas em relação a esta ferramenta? Damos essa resposta para você.

Telemetria 

Empresas que não acompanham o comportamento dos motoristas têm mais risco de incidentes na frota. A tecnologia ajuda a detectar excessos de velocidade e freadas bruscas, ajudando a mitigar condução perigosa para tornar sua frota mais segura.

Práticas seguras ao volante

A prevenção de vícios ao volante não se trata apenas de tecnologia. Também envolve a adoção de práticas seguras ao volante por parte dos motoristas. Discutiremos como os motoristas podem adotar comportamentos responsáveis para garantir a segurança nas estradas.

Conclusão

A segurança nas estradas é uma responsabilidade que deve ser compartilhada por todos os envolvidos no setor de transporte. Compreender e evitar vícios ao volante é fundamental para proteger vidas, reduzir custos e manter a reputação da sua frota intacta. Com as inovações tecnológicas da Trimble e o compromisso dos motoristas em praticar a segurança, podemos trabalhar juntos para tornar as estradas mais seguras para todos.

Autor

redacao.massi

redacao.massi

Uma mão digitando em um laptop Uma mão digitando em um laptop Uma mão digitando em um laptop

Assine nossa newsletter

Fique sempre por dentro das novidades nas inovações da gestão do transporte.

    Deixe seu comentário