DDS para motoristas: fundamental para uma frota mais segura

| Por: redacao.massi

O DDS, Diálogo Diário de Segurança, é uma técnica de segurança e motivação amplamente aplicada em empresas que possuem frotas de veículos. Essa abordagem consiste em realizar conversas breves com os motoristas, promovendo uma maior conscientização da equipe.

Os gestores de frota sabem que os colaboradores e a frota estão expostos a riscos de acidentes diariamente. O DDS oferece uma forma prática para revisão de políticas de gestão de motoristas e estabelece um contato mais próximo e humanizado com eles.

A seguir, saiba mais sobre essa prática, sua importância, benefícios e sugestões de abordagens. Boa leitura!

O que é DDS?

DDS é a sigla utilizada para se referir ao Diálogo Diário de Segurança do Trabalho, que consiste em uma breve reunião realizada diariamente pelo gestor de frotas com os condutores, no início do dia, com o propósito de abordar assuntos relevantes.

O principal objetivo é reforçar a segurança da equipe que atua no campo. Conforme o próprio nome indica, o DDS é um diálogo, devendo, portanto, ter uma duração máxima de 5 a 15 minutos.

Por ser realizado diariamente, o DDS se torna uma maneira eficaz de conscientizar a equipe sobre boas práticas profissionais.

Importância do DDS para motoristas

Em busca de uma gestão automatizada e cada vez mais moderna, alguns gestores acabam negligenciando as tarefas básicas. Um exemplo disso é o contato direto e diário com os motoristas. Muitas vezes, uma avaliação mais pessoal pode ser crucial para prevenir acidentes.

O DDS, Diálogo Diário de Segurança, é uma técnica de segurança e motivação amplamente aplicada em empresas que possuem frotas de veículos.

Portanto, tanto em empresas pequenas quanto em grandes frotas, uma simples conversa com os condutores pode determinar se eles estão aptos para o trabalho naquele dia, além de fornecer orientações sobre os riscos envolvidos. Afinal, relatos de gerentes de frota que identificam condutores exaustos ou sonolentos não são raros.

Dessa forma, a realização frequente do DDS traz benefícios como: 

- Conscientização coletiva dos funcionários;

- Reforça temas de segurança que geralmente são abordados apenas durante a contratação ou em palestras;

- Ao contextualizar as discussões, como falar sobre dirigir em condições de chuva durante períodos chuvosos, os condutores ficam mais alertas e preparados;

- Demonstra que a segurança é uma preocupação constante, não se limitando apenas aos valores estabelecidos.

Além disso, cuidar da segurança dos condutores é uma responsabilidade do gestor de frotas, seja assumindo pessoalmente essa função ou designando um técnico de segurança do trabalho para conduzir o DDS.

Profissionais sem capacidade técnica podem ser consequência da falta de uma boa gestão de motoristas. Esse tipo de ocorrência gera atrasos nos processos, queda na rentabilidade da empresa, acidentes de trânsito, redução de clientes e maiores gastos ao fim do mês.

Para evitar isso, confira o material gratuito da Trimble para melhorar a gestão de talentos dentro da sua empresa.

Gestão de motoristas: Como fazer atração e retenção de talentos?

Então, para ajudar na sua gestão e retenção de talentos, preparamos esse conteúdo com insights feitos especificamente para você que quer gerir de maneira humana e otimizada a sua frota.

Benefícios do DDS para a empresa

Além de proporcionar maior segurança à equipe,  o que já representa um benefício significativo, o DDS também é uma forma de reduzir despesas. Por exemplo: pela manhã o gestor de frotas discute com a equipe a importância de diminuir a velocidade ao atravessar um cruzamento com pouca visibilidade, mesmo que o motorista tenha a preferência.

Mais tarde, ao se deparar com um cruzamento com pouca visibilidade, o motorista se lembra da conversa e decide observar antes de prosseguir. Nesse momento, ele percebe que um veículo está cruzando em alta velocidade na via perpendicular, mesmo que ele tivesse a preferência.

Nessa situação hipotética, um acidente foi evitado graças às técnicas de direção defensiva abordadas no DDS. O motorista pôde continuar seu dia de trabalho sem problemas, evitando custos com manutenção corretiva. Esse é apenas um exemplo de muitos outros que podem ser aplicados.

Como fazer um DDS eficiente?

Cada Diálogo Diário de Segurança deve ser adaptado de acordo com as especificidades das funções envolvidas. Portanto, não existe um modelo único de DDS que seja aplicável a todas as empresas.

Ao implementar o método, pode-se seguir alguns passos:

- Apresentar casos reais de acidentes no local de trabalho;

- Abordar situações cotidianas que são comumente enfrentadas pelo grupo de condutores;

- Utilizar imagens e vídeos ocasionalmente para reforçar as mensagens transmitidas;

- Encorajar os motoristas a participarem ativamente do DDS. Não se trata de uma palestra unilateral.

Além disso, há outras dicas gerais que contribuem com a eficiência da técnica, como: reuniões curtas, temas diversificados, boa organização e espaço para dúvidas e discussões.

Temas que podem ser abordados em DDS para motoristas

Para fazer um Diálogo Diário de Segurança, o gestor de frotas pode utilizar alguns temas interessantes para diversificar a abordagem. Confira algumas sugestões.

Direção defensiva

A direção defensiva é um tema que deve ser recorrente, seja para servir de alerta ou para mostrar os resultados desta prática na redução de acidentes. Além disso, o tema pode ser abordado de diferentes formas, por exemplo: como dirigir em dias de chuva, como utilizar as luzes adequadamente, importância de prestar atenção nos cruzamentos, importância de não conduzir o veículo com sono, importância de respeitar limites de velocidade, importância de sinalizar, entre outros.

Também pode ser abordado como a tecnologia auxilia na direção defensiva, por exemplo, o sensor de fadiga, que detecta sinais de cansaço e sonolência e emite sinais sonoros na cabine do caminhão. Para entender melhor como o sensor de fadiga pode ajudar a ter uma direção mais segura, confira o material abaixo.

Kit gratuito: Sensor de fadiga e distração para condutores

Como esclarecer as dúvidas dos seus motoristas em relação a esta ferramenta? Damos essa resposta para você.

Cuidados com o veículo

Outra sugestão de tema são os cuidados com o veículo, que o próprio motorista deve tomar no dia a dia. Pode-se abordar o significado das luzes do painel, atenção para o sistema de arrefecimento, como frear e acelerar adequadamente, cuidados com pneus e rodas, dentre outros. 

Checklist de segurança

Um assunto importante para abordar é o checklist de segurança. Nele, podem ser abordados temas como uso de roupas e equipamentos adequados, boa condição de saúde, sono e alimentação regulados e outros assuntos relacionados.

Conclusão

A implementação do DDS na Gestão de Frotas é uma ferramenta valiosa para gestores que buscam aumentar a segurança na operação. Engajar os condutores e abordar medidas de segurança em discussões diárias ajuda a reforçar a postura da empresa em relação à prevenção de acidentes.
Para resultados ainda melhores, conte com as melhores soluções de segurança e gestão de frota da Trimble.

Converse com nossos especialistas hoje

Sua frota apresentaria resultados ainda mais efetivos usando a tecnologia correta. Fale conosco agora!

Autor

redacao.massi

redacao.massi

Uma mão digitando em um laptop Uma mão digitando em um laptop Uma mão digitando em um laptop

Assine nossa newsletter

Fique sempre por dentro das novidades nas inovações da gestão do transporte.

    Deixe seu comentário